2015 - Razões e desrazões do coração: visões e significados acerca do transplante do coração a partir de narrativas orais de uma equipe interdisciplinar de saúde / Antonio Carlos Rossi

Autoria principal
Rossi, Antonio Carlos Detalhes

Autoria secundária
Gallian, Dante Marcello Claramonte Detalhes Orientador
Universidade Federal de São Paulo. Detalhes Escola Paulista de Medicina Detalhes

Título principal
Razões e desrazões do coração : visões e significados acerca do transplante do coração a partir de narrativas orais de uma equipe interdisciplinar de saúde / Antonio Carlos Rossi [manuscrito] :

Título em outro idioma
Titulo traduzido : The reasons and uncertainties of the heart Titulo traduzido : interpretations and visions of heart transplants TEAN in oral histories of an interdisciplinary medical Titulo traduzido : eng

Publicação
São Paulo: 2015.

Descrição física
[177] p.

Nota
Orientador: Dante Marcello Claramonte Gallian
Tese (Doutorado em Saúde coletiva) - Escola Paulista de Medicina (EPM), Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2015

Resumo
Resumo : O presente estudo objetivou desenvolver, a partir de relatos de história oral de vida de uma equipe interdisciplinar de transplante do coração, sobre as visões e significados atribuídos ao transplante do coração, numa perspectiva não apenas funcional, mas também simbólico-cultural, psicológica e existencial. Para compreensão e análise dessa experiência, partimos de uma abordagem de cunho metodológico qualitativo. Os dados foram colhidos por meio de entrevistas realizadas de acordo com a abordagem da História Oral de Vida. Foram entrevistados nove profissionais (médico, enfermeiro, nutricionista, fisioterapeuta e psicólogo), com experiência na área. Os textos gerados a partir das entrevistas foram analisados mediante técnicas de imersão/cristalização, estilo inspirado pela Fenomenologia Hermenêutica. Os núcleos temáticos emergidos foram: 1) Coração: uma bomba-biomecânica ou sede da alma? - Detectamos na narrativa de nossos entrevistados que o coração passou a ser uma bomba biomecânica, fruto de uma compreensão absorvida pelas ciências médicas atuais e herdeira do positivismo de Descartes; porém, simultaneamente, concepções e visões de ordem "irracionais", simbólicas e mesmo poéticas sobre o coração, que derivam de crenças e tradições supostamente ultrapassadas, teimam em permanecer, muitas vezes, de forma surpreendente e inconsciente, não apenas no discurso do paciente leigo, mas também no do profissional especializado, tão bem formado e treinado; 2) Realidade e Fantasias no transplante do coração - Constatamos, em alguns integrantes da equipe, a dúvida e curiosidade em saber se o coração muda a personalidade, mesmo de posse de explicações cientificas (diríamos que fica em suspenso sempre algo que transcende a uma explicação biomédica e mecânica do transplante); 3) O transplante do coração como teatro e palco para se pensar a morte - Notamos sentimentos ambivalentes na equipe de transplante, desde a chegada do órgão (doador), se este está vivo ou morto, até o procedimento em si, acreditar ou não no transplante, passando pela questão do número de transplantes a serem realizados e terminando com a ideia do transplante como uma jogada de mestre contra a morte.

Assuntos
Transplante de coração
Equipe de assistência ao paciente
Registros de saúde pessoal

Produção institucional
São Paulo. Escola Paulista de Medicina (EPM). Saúde coletiva (33009015067P1). Discente de pós-graduação. Tese. 

© 2013 a 2021 - Universidade Federal de São Paulo - Unifesp
Rua Loefgreen, 2032 - Vila Clementino, São Paulo - SP 

Please publish modules in offcanvas position.